O Brasil é o segundo país com a maior proporção de pessoas que se consideram religiosas, segundo uma pesquisa da fundação alemã Bertelsmann

Segundo a pesquisa, mais de 96 por cento da população brasileira se considera religiosa, a mesma proporção registrada na Guatemala.

Mas o país centro-americano foi considerado o "mais religioso" por causa da alta proporção de pessoas que se consideram "altamente religiosas", de 76%, maior do que a do Brasil, de 71%.

Segundo a enquete, feita em 21 países e que incluiu 21 mil entrevistas, depois do Brasil, os países mais religiosos são Indonésia e Marrocos, com porcentagens pouco abaixo da brasileira.


Fiéis "ativos"
O Brasil fica em terceiro lugar na lista dos países com fiéis ativos, que tomam parte em rituais religiosos como a missa.

Os países com o menor percentual de pessoas religiosas no mundo são Grã-Bretanha, França e Rússia.

Os Estados Unidos ficaram em quinto no ranking de países religiosos com 89% de fiéis e 62% por cento de “fervorosos”.

A pesquisa, intitulada Monitor Religioso, fez cem perguntas a cada entrevistado sobre vários aspectos da religiosidade e é uma das maiores do mundo sobre o assunto.

Notícia publicada na BBC Brasil, em 19 de dezembro de 2007.


Sergio Rodrigues* comenta
A pesquisa promovida por essa instituição alemã reflete a informação trazida por Humberto de Campos, no livro "Brasil, Coração do Mundo, Pátria do Evangelho", psicografado por Francisco Xavier, dando conta que Jesus, o governador espiritual do Planeta, transplantou para este País a árvore do seu Evangelho. Ao povo deste País, recairia a responsabilidade de fazer frutificar as obras do amor que o Cristo tem por todas as criaturas. Apesar das modernas ideologias que exacerbam os valores materiais, privilegiando o "ter" em detrimento do "ser", quando os valores morais são relegados a plano secundário, a lição do Cristo está aí, se ainda não vivenciada pelo nosso povo como ele nos ensinou, pelo menos sendo reconhecida como um lenitivo de esperança e consolação, fortalecendo os brasileiros diante das dificuldades que se lhe apresentam a todo momento.

Sem querermos ser ufanistas, o povo brasileiro, tão sofrido e enfrentando provações de toda natureza, dá ao mundo um exemplo de resignação e confiança no poder e na misericórdia de Deus, esperando, com seu trabalho e sua fé, irradiar para o mundo a confiança no advento da cristianização de toda a humanidade. Não importa a religião que se professe. O que tem significado importante dessa pesquisa é constatar que o nosso povo não se deixou levar pela incredulidade que a busca por conquistas materiais tende a semear.

* Sergio Rodrigues é espírita e colaborador do Espiritismo.Net.


Fonte: http://www.espiritismo.net/content,0,0,580,0,0.html



A+ | A- | Notícia Anterior | Posterior

Datas Importantes do Espiritismo

MARÇO

Dia 01 de 1944
Em São Paulo, SP, é lançado o jornal "O Semeador", órgão da Federação Espírita do Estado de São Paulo.
Dia 02 de 1927
Na Inglaterra, é lançada a revista "Light", com conferência de Oliver Lodge, sob os auspícios da Aliança Espírita de Londres.
Dia 02 de 1948
Em Lisboa, Portugal, desencarna Antônio Joaquim Freire, Presidente da Federação Espírita Portuguesa. Nascido em Coimbra, Portugal, em 2 de julho de 1877.
Dia 03 de 1880
Nasce na França, o escritor espírita Gaston Luce. Desencarna em Paris, na França em 11 de janeiro de 1965.
Dia 03 de 1955
Em Ponta Grossa, PR, desencarna a trabalhadora espírita Balbina Branco. Nascida na mesma cidade, em 17 de julho de 1869.
Dia 03 de 1984
Em São Paulo, SP, desencarna Edalides Milan de Rezende, irmã de Eurípedes Barsanulfo. Nascida em Sacramento, MG, em 18 de junho de 1893.
Dia 03 de 1985
É fundado o CEPE - Centro de Estudos e Pesquisas Espíritas, Departamento da Federação Espírita do Paraná.
Dia 03 de 1993
Divaldo Pereira Franco concede entrevista de 15 minutos à TV OMS, em Miami, EUA.
Dia 04 de 1858
No Cairo, Egito, desencarna Bento Mure, Professor de Medicina, dos pioneiros da Homeopatia e introdutor dessa ciência no Brasil. Ma... Saiba mais...