Doenças do Comportamento

    A vida mental responde pelas atitudes comportamentais expressando-se em formas de saúde ou doença conforme o teor vibratório de que se revista.
    O bombardeio de petardos contínuos,portadores de alta carga destrutiva,agindo sobre os tecidos sutis da alma,desarticula as engrenagens do perispírito que reflete,no corpo e na emoção , as enfermidades de etiologia difícil de ser detectada pelos métodos comuns.
    À exceção dos severos problemas de saúde defluentes das reencarnações passadas,como as viroses e psicoses profundas,as mutilações e deficiências traumatizantes,as baciloses e idiotias irreversíveis que se agravam como necessidade provacional ou expiatória ,grande parte dos males que pesam na economia da área do equilíbrio fisiopsíquico decorre da ação da mente desgovernada,sujeita à indisciplina de conduta e sobretudo,rebelde,fixada aos caprichos das paixões primitivas.
    É natural e justo que a descarga mental desagregadora lançada contra alguém ,primeiramente atinja os equipamentos que lhe sustentam a onda emissora acumulando cargas deletérias desconjuntam-se os delicados tecidos sustentados pela energia, ocasionando os desastres no campo da inarmonia propiciadora de distúrbios variados e contaminação compreensíveis.
    A ação imunológica do organismo desaparece sob a continua descarga das forcas perniciosas,abrindo espaço às calamidades físicas e psicológicas.
    Relacionemos algumas ocorrências.
    A impetuosidade bloqueia a razão e desarticula o sistema nervoso central.
    A queixa e o azedume emitem ondas pessimistas que sobrecarregam os sistemas de comunicação ,produzindo envenenamento mental.
    A ira obnubila o discernimento e produz disfunções gastrintestinais pelos tóxicos que lança na organização biológica.
    A mágoa enlouquece,em razão de produzir fixações que se transformam em monodeismo avassalador .
    A insatisfação perturba o senso de observação e afeta o ritmo circulatório promovendo quadros depressivos,ou excitantes e prejudiciais. O ciúme enceguece e desencadeia disritimias emocionais pela tensão que domina os neurônios condutores do pensamento.A maledicência incorpora a calúnia e ambas desorganizam a escala de valores,aumentando os estímulos no aparelho endócrino que se exaure.
    A ansiedade e o medo desestruturam o edifício celular dando margens às distonias complexas. A vingança ,sob qualquer aspecto agasalha,corrói os sentimentos,qual ácido destruidor abrindo brechas para a amargura ,o suicídio e a alucinação
    Não nos referimos aos componentes obsessivos por desnecessário ,que tais atitudes facultam por sintonia.Vários tipos de cânceres,alergias e infecções na esfera física,e neuroses,esquizofrenias e psicoses na faixa psíquica ,têm suas gêneses no comportamento mental e nos seus efeitos morais.
    A ação dos medicamentos de varias psicoterapias por não alcançarem os centros mentais geradores do mau comportamento ,tornam-se inócuos,quando não constituem sobrecarga nos órgãos encarregados dos fenômenos de assimilação e de eliminação compreensível, portanto que as construções positivas do Bem e o cultivo das virtudes evangélicas positivas produzem quadros de saúde e de bem estar pelos estímulos e recursos que oferecem à organização fisiopsiquica do homem.
    Mantém-te equilibrado a qualquer preço ,para que não pagues o preço da culpa.
    Não sejas aquele que se faz o mau exemplo.
    Sê discreto e aprende a superar-te.
    Vence os pequenos problemas e percalços com dignidade,a fim de superares os grandes desafios da vida com honradez.
    Podes o que queres.
    Resolve-te,em definitivo,por ser Cristão ,não te permitindo o que nos outros censuras,sem desculpismos nem uso de medidas infelizes com as quais esperas do próximo aquilo que ainda não podes ser.


    A+ | A- | Imprimir | Envie para um(a) amigo(a) | Mensagem Anterior | Posterior | Ouça o conteudo



    Acesse todas as Mensagens